A falta de desejo feminino. Causas e como aumentar a libido nas mulheres

A falta de desejo feminino é algo que pode ocorrer em grande parte das mulheres. Um dos primeiros sintomas é a diminuição do desejo sexual e em seguida um sentimento de culpa por conta da falta de vontade de ter relações sexuais.

Muitas mulheres certamente deverão se identificar com esse cenário, mas é importante destacar que nenhuma delas está sozinha nessa situação. Mas, a boa notícia, é que essa não é uma condição irreversível.

O primeiro passo é justamente entender de fato os motivos que podem acarretar a falta de desejo feminino.

Em linhas gerais, a disfunção sexual feminina pode ocorrer por uma questão bastante direta: sexualidade. Isso, como já ficou claro, pode acarretar um grande sofrimento pessoal.

Nesse caso, é muito importante destacar a questão do sofrimento, pois ele é o mais evidente e o mais preocupante de todo esse contexto. Além disso, o problema pode se manifestar de diferentes maneiras diferentes.

Para compreender melhor essa questão e todas as  condições envolvidas, siga adiante na leitura desse conteúdo agora mesmo.

A complexidade da falta de desejo feminino

Para começar, como mencionado anteriormente, a falta de desejo feminino pode se manifestar de diversas maneiras, como:

  • Diminuição do desejo sexual
  • Alterações relacionadas à excitação
  • Dificuldades recorrentes de se chegar ao orgasmo
  • Sintomas de dores durante o ato sexual
  • Falta de fantasias sexuais.

Tudo isso pode ser proveniente de aspectos mais complexos. Nesse caso, deve-se levar em conta que quando neurotransmissores e hormônios estão equilibrados, quando há bem-estar psicológico e até mesmo profissional e uma boa sintonia com o parceiro, tudo isso interfere na libido feminina.

A falta de desejo feminino

Mas, por outro lado, quando todos esses aspectos não estão em boas condições, o cenário pode ser bem diferente.

Para uma boa parcela das mulheres, fatores de caráter emocional podem apresentar um peso muito substancial – muito mais até do que fatores biológicos.

Há ainda a influência cultural e educacional que também podem estar diretamente ligadas à libido. Enquanto os homens tendem a ser estimulados desde muitos novos a se interessar pelo sexo, com as mulheres isso é diferente.

Em outras palavras, as mulheres sempre foram educadas para adiar ao máximo sua iniciação da vida sexual e até mesmo reprimir seus desejos. Em muitos casos, isso acaba sendo proveniente da religião, onde a sexualidade é vista como um pecado.

As causas orgânicas que podem causar falta de libido

Algumas condições podem resultar na falta de desejo feminino, como:

  • Diabetes
  • Alcoolismo
  • Desequilíbrio hormonal
  • Problemas cardíacos
  • Determinados tipos de medicações
  • Doenças neurológicas
  • Uso de drogas
  • Fases do ciclo menstrual

Além desses fatores citados acima, a menopausa pode ser outra forte candidata no que diz respeito à falta de desejo feminino. Isso acontece porque, nesse período, há a sinalização do fim do período fértil da mulher.

Durante esse processo, os ovários passam a diminuir consideravelmente a fabricação de hormônios, diminuindo a produção da testosterona. Mesmo se tratando de um hormônio masculino, ele também compõe os demais hormônios existentes do corpo feminino.

Além disso, ele está totalmente relacionado à falta de desejo feminino, ou seja, diminuição da libido.

Há também explicações provenientes da biologia, que também indica o entendimento de como isso se manifesta no corpo animal. Mas, especificamente em humanos ocorrem algumas variantes para o processo.

Isso se dá principalmente em detrimento dos aspectos psíquicos, que podem até mesmo prevalecer sobre os físicos. Ou seja, em outros palavras, mesmo com os hormônios mais elevados, as mulheres podem passar a sentir menos desejo sexual.

Como resultados, as explicações podem ser obtidas, portanto, por determinados fatores psicológicos.

Terapia Sexual Para Homens

Conhecendo as causas psicológicas da falta de desejo feminino

Confira agora as possíveis causas psicológicas associadas à falta de desejo feminino:

  • Timidez ou religião: a forma como uma mulher é educada e até mesmo os valores familiares podem afetar a sexualidade. Tudo poderá depender de como o sexo em si foi apresentado para ela.
  • Aceitação do próprio corpo: algumas mulheres podem apresentar insatisfação com seu corpo. Isso pode ocorrer porque ela acredita estar fora dos padrões de belezas que, injustamente, são fomentados pela sociedade. Isso gera preocupações sobre a opinião do parceiro e culmina na falta de desejo feminino.
  • Rotina: a rotina também pode afetar a sexualidade feminina. Se o sexo acontece sempre do mesmo jeito, com dia e hora marcada, o resultado pode ser a diminuição do desejo.
  • Conflitos conjugais: casais que discutem com uma grande frequência ou até mesmo vivenciam ausência de respeito podem atravessar problemas – e, um deles é a falta de desejo.
  • Estresse e ansiedade: no dia-a-dia, os sintomas provenientes do estresse e ansiedade acabam sendo fatores constantes. Isso pode ser acarretado pelo trabalho, trânsito, desemprego, problemas financeiros, filhos e uma série de outros aspectos.

  • Não conhecer o próprio corpo: não se conhecer é um dos fatores extremamente recorrente no universo feminino. Ou seja, quem não se conhece certamente não saberá exatamente o que quer ou o que gosta, concorda? Além disso, muitos parceiros não apresentam uma evidente sensibilidade para fazer o que a mulher gosta.

Como reverter a baixa libido feminina? Há tratamentos?

Uma boa parte das mulheres pode demorar muito tempo para entender que possui um problema ou para tentar resolvê-lo.

Portanto, o primeiro  passo é descobrir quais causas podem estar afetando a ausência de desejo. Se a falta de desejo feminino for proveniente de um fator físico, pode ser importante recorrer a um tratamento com um profissional da área.

Mas, se for uma questão de caráter emocional ou influenciada por fatores externos, buscar uma terapia pode ser o melhor caminho.

Por meio da terapia, a paciente poderá lidar com possíveis traumas, dilemas, conflitos e buscar resposta sobre si mesma. Isso ajuda a promover autoconhecimento e até mesmo elevar a autoestima.

O mais importante é compreender qual poderá ser a raiz do problema e, claro, aceitar que ele existe e saber quais as possíveis alternativas a serem seguidas. E, a terapia é uma aliada para compor todo esse processo no tempo de cada pessoa.

Como resultado, é importante lembrar que a falta de desejo feminino não é algo permanente e pode ser revertida, tanto por meio de uma terapia como por intervenções médicas, se for o caso.

 

Veja também: Transtornos Sexuais: O que são e como a terapia pode ajudar?

COMPARTILHE:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on tumblr
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on telegram

Post relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir chat
Precisa de ajuda?
Olá! Posso ajudar?