Ciúmes Possessivo: Tratamentos E Como Lidar Com A Possessão

O ciúmes possessivo pode ser um percalço para uma relação amorosa saudável e feliz. Ele acaba desencadeando inseguranças e brigas que trazem diversos problemas para o casal.

É importante que a pessoa ciumenta identifique esse comportamento e aprenda a controlá-lo. Assim, diminuirão consideravelmente os embates entre os dois.

Mas, essa não é uma tarefa simples. Muitas pessoas sequer percebem quando estão reagindo de forma ciumenta e só dão conta do estrago após suas ações explosivas.

Afinal, o que é ciúmes possessivo?

Antes de partirmos para as soluções possíveis é fundamental entender o que é ciúmes possessivo e até mesmo compreender como ele pode desencadear uma série de problemas no relacionamento.

Nem todo ciúme é possessivo. No entanto, quando isso se torna algo realmente proeminente na relação e causa surtos ou situações de briga e controle excessivo é hora de olhar com atenção para o caso.

Nessas circunstâncias o ciúmes adquire um nível patológico. Ou seja, ele deixa de ser apenas uma sensação inocente e passa a ser considerado uma doença que demanda tratamento e acompanhamento.

O que desencadeia?

Na maioria das vezes o que causa ciúmes possessivo é uma ansiedade e medo de ser abandonado. Ou seja, o medo de que a outra pessoa lhe deixe é tão grande, que existe uma necessidade de controlar e acompanhar cada passo.

Em alguns casos as pessoas começam a vasculhar os pertences de seus parceiros ou até a afastá-los de amigos e familiares. essa atitude é prejudicial para ambos e merece toda a atenção para não se agravar.

Efeitos negativos do ciúmes possessivo

Aprender como lidar com ciúmes possessivo é fundamental porque isso pode desencadear uma série de problemas na vida dos dois.

Aos poucos você passará a sufocar a pessoa amada. Com isso, é comum que ocorra um distanciamento e até comecem a esconder coisas um do outro.

Em casos mais drásticos, o ciúmes pode se transformar em um comportamento abusivo e ameaçador, levando a riscos físicos e colocando o casal em uma situação drástica de violência.

Naturalmente nem todo mundo chega a esse ponto extremo da situação. No entanto, é essencial que você compreenda o potencial nocivo desse sentimento e aprenda a controlar isso antes que realmente cause algum estrago físico e/ou emocional.

Tratamento Para Ciúmes Possessivo

O tratamento para ciúmes possessivo pode ajudar a controlar e até mesmo a reverter a situação. Veja algumas coisas que você pode fazer para escapar dessa situação se você é a pessoa ciumenta da relação:

· Identificação do problema:

Como dito anteriormente, o primeiro passo essencial é perceber que o seu ciúmes possessivo existe. Você notará que passa grande parte do seu tempo imaginando o que a outra pessoa está fazendo ou com quem está conversando.

Tudo e todos ao seu redor passam a soar como uma ameaça ao seu relacionamento. Perceba que você sente um constante medo da perda ainda que não haja um motivo efetivo para isso.

· Trabalhe a sua autoestima:

Esse medo na maioria esmagadora das vezes tem relação direta com um problema de autoestima reduzida. Você não se considera cativante e apaixonante o suficiente para manter a outra pessoa por perto.

É por isso que tudo ao redor parece ser mais interessante do que você e lhe causa essa sensação de ameaça constante.

Você precisa então elevar a sua autoestima. Para isso, tente direcionar o seu foco para coisas que lhe trazem prazer e que lhe fazem sentir útil. Trabalhos, hobbies e diversão são alguns desses fatores.

Uma dica interessante é que você comece a prestar atenção nos seus próprios projetos. Cursos que você gostaria de fazer, lugares que gostaria de conhecer, atividades que lhe fazem bem, cuidados com o corpo etc.

Reprogramação mental

Meditação pode ser a solução

A meditação e os exercícios de respiração podem se tornar uma válvula de escape para que você consiga controlar os sentimentos impulsivos. Sempre que perceber que está entrando nisso, foque a atenção em sua respiração.

Encontrar estratégias para não deixar que tais pensamentos intrusos dominem a sua mente é essencial. Mas, lembre-se que somente ao identificar o problema é que você terá real capacidade de contorná-lo.

Pratique a humildade

Aprenda a pedir desculpas. O ciúmes possessivo causa estragos físicos e psicológicos, desencadeando uma série de traumas.

Por isso, aprenda a abaixar a cabeça e pedir desculpa e ajuda quando necessário. Entenda que prender a pessoa ao seu lado não é sinônimo de amor, mas sim de posse.

Conversar é sempre a melhor opção

É importante que, ao identificar o ciúmes possessivo você converse com seu parceiro(a) a respeito disso. Fale sobre situações que lhe causam desconforto e aprenda a identificá-las.

No entanto, deixe que a outra parte também se manifeste. tente praticar a famosa empatia, se colocando no lugar da pessoa amada para que você consiga entender as feridas causadas por seu comportamento.

Você é digno de amor

É importante exercitar esse pensamento de que você também é digno do amor recebido. Assim o mundo não lhe parecerá tão ameaçador. Afinal, quando você acredita que merece aquilo entende que outras pessoas não vão lhe tomar.

Essas são apenas algumas estratégias para lidar com o ciúmes possessivo. No entanto, atitudes pequenas como mudar a sua alimentação e até mesmo cuidar melhor do eu corpo podem trazer efeitos fantásticos.

Terapias podem ajudar o casal a passar por isso

Se ainda assim você sentir que está com dificuldades para controlar essa sensação de insegurança que desencadeia uma situação de ciúmes possessivo, há terapias diversas que podem lhe ajudar!

Uma boa terapia sexual online, por exemplo, estimula o prazer a dois e ajuda você a ter um melhor reconhecimento do seu próprio corpo. Como resultado você se sentirá mais seguro não somente na cama, mas em todas as circunstâncias.

Terapias em casal e psicanálise também podem servir. O importante é ser honesto com os profissionais que lhe atendem, explanando sobre o seu problema com ciúmes excessivo.

Como você pode ver, saber o que causa ciúmes possessivo é o ponto de partida para se livrar dessa situação. Pratique o amor-próprio e esforce-se para elevar a sua autoestima.


Veja também: Reprogramação mental: O que é e como funciona o processo

Ciúmes possessivo

COMPARTILHE:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on tumblr
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on telegram

Post relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir chat
Precisa de ajuda?
Olá! Posso ajudar?