Ejaculação retardada: tudo sobre a incapacidade ejaculatória

A ejaculação retardada é um dos problemas associada a saúde sexual e reprodutiva masculina pouco abordada ainda, infelizmente. Boa parte das pessoas aborda esse tema da maneira ideal.

O fato é que esse é um  problema recorrente, mas há muitos tabus que inibem sua discussão de maneira saudável e qualitativa. Isso tanto é verdade que é comum que o assunto seja ignorado, principalmente pelos próprios homens.

Além disso, é importante destacar que alguns quadros podem ser mais ou até mesmo conhecidos, de uma maneira geral. Esse é o caso justamente da disfunção erétil e também da ejaculação precoce.

Há ainda outros quadros que podem ser considerados um enigmático ponto de interrogação – esse é o caso da chamada anejaculação. Outro ponto pertinente, e que merece destaque, consiste na confusão que muitas pessoas fazem.

Isso porque, comumente, há confusão entre a ejaculação e o orgasmo. Por isso, a busca por esse assunto e a percepção de que ele precisa ser abordado de maneira mais natural é algo tão relevante!

Como resultado, esse conteúdo terá como objetivo central sanar as principais dúvidas sobre a ejaculação retardada e temas correlatos.

O Que É Ejaculação Retardada?

Para começar, é fundamental entender a diferença entre a Ejaculação Retardada e a Ejaculação Precoce.

A Ejaculação Precoce consiste em que grande parte dos homens em uma situação de normalidade ejacula em um período que varia entre dois e quatro minutos.

Isso ocorre logo após a penetração e os movimentos pélvicos que são comuns ao ato sexual. Ou seja, o homem ejacula de maneira “incontrolável” e antes do momento desejado.

Essa é uma disfunção masculina que pode se manifestar de maneira mais recorrente durante a fase da adolescência. Entretanto, isso não quer dizer que homens adultos não possam ser acometidos pelo problema.

Aliás, em grande parte dos casos pode ser relacionada a fatores de caráter psicológico.

Isso inclui quadros de ansiedade, estresse e ainda um grande medo em acabar contraindo doenças sexualmente transmissíveis – e, mais uma série de outras possibilidades.

O oposto da ejaculação precoce é justamente a ejaculação retardada. De maneira geral, ela nada mais é do que uma evidente dificuldade (recorrente) de conseguir ejacular.

o que é ejaculacao retardada

E, isso é algo que pode ocorrer mesmo diante de diversos fatores que podem ser considerados propícios para que a ejaculação aconteça – como a ereção peniana, por exemplo, bem como o desejo e estimulo sexual.

Segundo especialistas, o tempo médio para que a ejaculação de fato aconteça durante o ato sexual é de aproximadamente 5 minutos. Porém, é possível prolongar ou controlar de forma consciente esse tempo.

Se tratando da ejaculação retardada, esse evidente atraso não acaba ocorrendo de forma consciente. Ou seja, o homem tem a vontade de chegar ao orgasmo, mas simplesmente não consegue.  O tempo desse “retardo” também pode variar de um caso para o outro.

Excesso de masturbação é uma das causas da ejaculação retardada?

A questão da masturbação é um dos pontos que gera as maiores dúvidas acerca da ejaculação retardada.

De maneira geral, a masturbação pode ser sim apontada uma das causadoras desse problema – mas, isso é algo relacionado a determinados casos.

A questão é que, muitos homens que apresentam um quadro de ejaculação retardada durante o ato sexual, geralmente, não ejaculam normalmente ao se masturbar.

Vale destacar que há pacientes jovens que acabam evidenciando uma maior preferência pela masturbação – isso resulta em menos prazer para ejacular durante o sexo.

Esse tipo de sintoma pode ser associado a um nervosismo ou até mesmo ansiedade. O mesmo vale para uma possível pressão de apresentar um bom desempenho sexual ou de que o homem “precisa” atingir o orgasmo junto com a outra pessoa.

Há ainda outras situações, principalmente durante a adolescência, que se referem à falta de experiência da vida sexual. Ou seja, o costume de fazer uma pressão maior com as mãos durante a masturbação pode ser também uma questão.

Nesse caso, durante o ato sexual, a pressão que ocorre durante a penetração vaginal sobre o pênis pode ser menor – o que diferencia da que o paciente está habituado com a masturbação.

Como resultado, isso pode dificultar o estímulo de se atingir o orgasmo, o que pode acarretar a ejaculação retardada.

Causas psicológicas do problema de ejaculação demorada

Em grande parte dos casos, o problema de ejaculação demorada pode ser acarretado em detrimento de fatores psicológicos. Nesse caso, um determinado problema que acarrete tensão, medo ou estresse poderá interferir no organismo e acabar prejudicando o orgasmo.

Isso pode ser relacionado a um trauma de infância, por exemplo. Nesse caso, se esse trauma acabar repercutindo na fase adulta o problema da incapacidade ejaculatória ou outros problemas associados podem se manifestar.

Confira abaixo outros motivos comuns da ejaculação demorada:

  • Medo de uma gravidez indesejada;
  • Culpa ou ansiedade relacionadas à questões religiosas;
  • Estresse;
  • Tensão durante a relação sexual por qualquer outro motivo;
  • Preferência por masturbar-se no lugar de vivenciar relações sexuais;
  • Traumas da infância que podem persistir na fase adulta;

Como solucionar o problema de ejaculação demorada?

Como curar ejaculação retardada? Essa certamente é uma pergunta que muitas pessoas podem fazer quando descobrem que possuem o problema.

Para começar, é importante destacar que o tratamento é totalmente individualizado. Isso porque é fundamental compreender de fato o que pode estar provocando a ejaculação retardada no final das contas.

O médico poderá solicitar que o paciente faça um tratamento específico, com ou sem uso de medicamentos. Tudo poderá depender, no final das contas, dos motivos que resultaram no transtorno.

Em geral, é importante que o tratamento agregue várias especialidades simultaneamente. Ou seja, pode ser importante contar com um urologista, um sexólogo e até mesmo outras especialidades médicas (caso seja necessário levando em conta o histórico do paciente).

O acompanhamento com um terapeuta sexual também é sempre fundamental para um bom processo de recuperação. Isso porque, com a terapia sexual será possível obter avanços acerca da vida sexual, principalmente levando em conta um quadro de ejaculação retardada.

Terapia Sexual Para Homens

Por meio da terapia, não somente será possível lidar com a ejaculação retardada como também contribuir para uma substancial melhora da autoestima e até mesmo autoconfiança – sem contar a possibilidade de identificar os motivos que possam acarretar estresse e tensão.

Veja também: Vício em Pornografia: como se livrar? Conheça as causas e tratamento

COMPARTILHE:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on tumblr
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on telegram

Post relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir chat
Precisa de ajuda?
Olá! Posso ajudar?