O que é sexo tântrico? Veja o passo a passo de como fazer

Na teoria, o sexo tântrico é algo que não parece apenas maravilhoso, mas também uma prática fácil e descomplicada. Mas, é fundamental deixar claro que essa prática envolve não apenas conhecimento, como também prioriza a intimidade entre o casal.

Trata-se de um sexo que requer tempo, ausência de pressa e entrega. O termo em si não é algo desconhecido e, muitas pessoas certamente já ouviram falar do assunto em algum momento.

Muitos podem até mesmo ter uma sensação que essa prática consiste em apenas prolongar a ereção. De certa forma, isso não está errado! Entretanto, vale mencionar que não é apenas isso em seu sentido mais amplo. Isso porque estamos falando de uma prática milenar, com distintas origens e ainda embasamento na yoga.

Para poder entender isso, precisamos compor um pouco a história que envolve este tema. Como resultado, esse artigo irá falar um pouco sobre o significado central dessa prática e ainda indicar alguns passos para iniciar a sua jornada. Confira.

O que é sexo tântrico: uma prática hindu

Em primeiro lugar, é importante destacar que o sexo tântrico é baseado no tantra, uma antiga prática hindu. Seu conceito traduz não apenas o desenvolvimento, mas também a expansão de energia.

Além disso, a prática reflete uma maior intimidade, com base em exercícios de respiração, toques lentos, energia e um orgasmo tardio. Entretanto, aqui vale um ponto de atenção: o orgasmo não é o foco principal.

Nesse caso, a prática pode ser recomendada para pessoas que possuam um quadro de ansiedade, de forma a proporcionar um orgasmo mais prazeroso, principalmente ao evitar que ele ocorra mais rápido.

Um pelo outro: uma conexão entre o casal

No sexo tântrico, o mais importante é a conexão entre o casal. O foco está sempre de um para o outro, de forma a prolongar o estímuloe também a excitação. Isso ocorre por meio de massagens, por exemplo.

E, talvez, essa seja a parte mais interessante dessa prática, visto que a ideia  é beneficiar a todos, sem distinção.

Outro ponto importante, é que não existe um livro ou um guia que indique regras a serem seguidas. O que há é o “coração tantra”, que vislumbra rituais sexuais que contribuem para o bom humor e também a estabelecer uma maior e melhor conexão com a outra pessoa.

Homens que sofrem com ejaculação precoce se beneficiam do tantra

Em linhas gerais, o tantra pode beneficiar homens que acabam desenvolvendo um quadro de ejaculação precoce. Isso porque ele é capaz de proporcionar o retardo do processo sexual e diminui potencialmente a pressão emocional.

Já no caso das mulheres, sua prática favorece o relaxamento bem como voltar as energias para o momento em si. Isso  é fundamental para a função orgástica e, claro, na construção de um desejo mais latente.

Como resultado, o sexo tântrico contribui para o relacionamento como um todo, até mesmo em outros âmbitos da vida a dois e ainda estimula uma melhor comunicação.

Experiências transcendentais

Como o orgasmo em si não é um foco central no tantra, muitos definem os “orgasmos tântricos” como um tipo de experiência realmente transcendental. Por outro lado, isso geralmente acarreta muitas dúvidas!

Afinal, como isso acontece? O primeiro passo é de fato o diálogo! É importante que o casal converse de forma a expor informações sobre o tema e até mesmo as experiências que gostariam de vivenciar.

Se as duas partes estiverem de acordo, é possível começar  a colocar em prática a arte do tantra na rotina do casal. E, alguns passos simples podem ser adotados a partir daqui. Mas, os benefícios somente poderão ser vivenciados quando ambos estão dispostos a passar por essa experiência.

Como fazer sexo tântrico: definia a cena!

O que é sexo tântrico

O primeiro passo é entrar no clima e, para isso, será preciso incorporais os rituais da prática ao sexo. E, isso não requer complexidade, são mudanças simples que todo casal pode realizar em casa.

Ou seja, ações simples como decorar o ambiente com velas, travesseiros, uma música ambiente suave e outros já permite surtir bons efeitos. O crucial é que o casal esteja confortável e feliz.

A respiração

Da mesma maneira que ocorre com a prática da yoga, o tantra tem como pilar central a respiração. Um bom começo é respirar fundo e pelo nariz e, na  hora de inspirar, procure encher o abdômen com bastante ar – expire!

Para facilitar, tente visualizar que você está tentando empurrar a respiração por meio da pélvis, passando pelos joelhos e, por fim, pelo chão. Considere ainda realizar a prática da respiração do ventre várias vezes antes de seguir para o sexo. Isso ajudará com que o exercício ocorra de maneira mais automática e fácil.

Contato visual

O contato visual permite que o casal estabeleça uma melhor conexão e proximidade durante o ato sexual. A tradição diz que se deve olhar sempre para o olho esquerdo da outra pessoa, mas isso não é uma regra. Se preferir, olhe para ambos.

Massagens

As massagens eróticas são fundamentais no sexo tântrico e, é importante que ocorra uma alternação, ou seja, entre receber e fazer. Como exemplo, você pode pedir uma massagem nos pés por alguns minutos e, depois, fazer uma massagem onde a outra pessoa desejar.

É importante dar feedbacks enquanto recebe a massagem, assim vocês terão a oportunidade de entender o que é mais agradável – tanto para si mesmo, como para o outro.

Atente-se ao seu corpo

Concentre-se no que está sentindo, pois isso propicia que seu cérebro deixe de lado pensamentos aleatórios e foque somente no momento a dois. Isso ainda garantirá que o prazer seja melhor aproveitado.

Intensifique a experiência

O que é sexo tântrico

Atrasar o orgasmo é uma forma interessante de intensificar a experiência e o prazer. O mesmo vale quando você permanece em um estado maior de excitação. Isso contribui para vivenciar um orgasmo energético ou sem precisar ejacular.

Quando falamos em atraso, estamos nos referindo em recuar e, assim, atrasar o orgasmo em si. Essa técnica é denominada por afiação e pode ser realizada até mesmo durante a masturbação – procure estimular até o ponto do orgasmo. Pare e comece novamente.

O sexo tântrico é uma arte que prioriza a intimidade, o prazer e o bem-estar!

Veja também: Orgasmo Feminino: 6 maneiras de chegar ao prazer

Conheça o Blog da Débora Martins 

COMPARTILHE:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on tumblr
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on telegram

Post relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir chat
Precisa de ajuda?
Olá! Posso ajudar?